home‎ > ‎Carta ao Leitor‎ > ‎

ed86


Ao Leitor
--------------------------------------------------------------------------------------------------------------------

Estresse, Exploração Espacial e Tecnologia


Estudantes universitários estão acostumados com crises de ansiedade ao longo dos períodos letivos. Muitas provas, trabalhos, pesquisas acumuladas, prazos acabando, longas jornadas de aulas e pouco tempo disponível para estudo são alguns dos fatores que contribuem para que o estresse esteja presente constantemente no dia a dia de muitos estudantes. Para lutar contra o desgaste físico e mental é preciso reconhecer que a realização de atividades importantes geralmente causa nervosismo e estresse, e não há nada de errado com isso. O nosso corpo está apenas respondendo aos estímulos para enfrentar as dificuldades.

No primeiro artigo dessa edição, “Stress: Use-o a seu Favor”, você encontrará uma abordagem científica que mostra como o corpo humano responde aos efeitos dessa reação natural existente desde os primeiros organismos, bem como ótimas dicas para controlar os efeitos negativos e utilizá-los em seu benefício.

Assim como o estresse, o desejo de explorar o Universo e conhecer a sua infinidade de possibilidades sempre foi algo intrínseco à humanidade. Mas até onde realmente conseguimos chegar com todos os esforços do homem para descobrir os mistérios que nos cercam? Será que ainda existe um limite de exploração? Mesmo que a tecnologia tenha alcançado um patamar de ficção científica, existem limitações que nos impedem de ir além do nosso sistema solar. Em “Limites Físicos da Exploração Espacial”, são apresentados os principais conceitos e limitações conhecidas acerca do Universo.

Os grandes avanços da exploração espacial confirmam que os seres humanos são capazes de inovar e produzir tecnologia de acordo com a necessidade de descoberta e de otimização, não apenas para fins científicos, mas também para o bem estar e entretenimento. O cinema digital, por exemplo, tem passado por grandes modernizações desde a sua chegada e promete revolucionar cada vez mais a indústria de produção audiovisual. Confira os detalhes com a leitura de “A Sétima Arte e o Mundo Digital”.

No artigo “Captação de Energia por meio de Ondas Eletromagnéticas”, uma nova forma sustentável de obter energia elétrica e utilizá-la em diversos dispositivos móveis é explanada. E por fim, em “Armazenamento de Dados: da Pedra Lascada ao Diamante” conheça o avanço das tecnologias de armazenamento de dados, na qual os diamantes são os principais protagonistas no processamento de informações quânticas.

É nesse contexto que temos o prazer de apresentar a 86ª edição do Jornal PET Elétrica e convidar você, caro leitor, para acompanhar as novidades aqui anunciadas. Não deixe de conferir também as seções culturais, nelas encontram-se dicas de livros, filmes, séries e músicas, além das imagens selecionadas para a galeria do mês.

Boa leitura a todos!


Wislayne Dayanne Pereira da Silva

Editora-Chefe

Equipe Editorial do Jornal PET-Elétrica



   






















Comments