home‎ > ‎Carta ao Leitor‎ > ‎

ed50

--------------------------------------------------------------------------------------------------------------------
Carta ao Leitor


Prezado Leitor,

A presença do ser humano, onde quer que este esteja, é elemento irrefutável de mudança e transformação do ambiente. Basta observar as inúmeras civilizações ao longo da história, enrustidas de monumentos colossais, ou com desenvolvimento de tecnologias para aplicações impressionantes, confirmando a ideia inicial. Até as mais simples angariam os olhos curiosos por suas peculiaridades tão marcantes. O século XXI mal chegou na linha do tempo e já exibe sofisticadas e complexas sociedades. No futuro, não serão apenas pirâmides ou muralhas a pontuar o trabalho do homem passado uma vez que, hoje, nem só do mundo real vive o ser humano.

Nesta 50ª edição do Jornal PET-Elétrica, mais uma vez desbravamos inovadoras ferramentas que estão invadindo o mercado. No artigo “Realidade aumentada, a conexão entre o real e o virtual” são apresentadas algumas das novas vias promotoras de interação com o mundo virtual. Todo o dinamismo vinculado a tais aparelhos não fomentam, porém, apenas diversão e encanto. Há o lado útil e praticável, e os aspectos adversos às qualidades. Essas ferramentas estão se destacando nas ágoras científicas e adquirir algumas noções sobre seus funcionamentos é imprescindível para quem admira o conhecimento.

Outra novidade no cenário científico e abordada nesta edição é a elasticidade arrancada do ouro. No artigo “Condutibilidade dourada”, é relatado este recente acontecimento laboratorial embasado por comentários dos responsáveis pela empreitada e características do ouro. Este importante metal, sempre tão almejado pelas pessoas, agora dá mais um motivo para ser apreciado. A descoberta dá um bom início para a chamada “eletrônica elástica” e sugere novas possibilidades de elasticidade em outros elementos com as tecnologias empregadas neste.

Os novos apetrechos da sociedade não surgem do nada. Muito esforço e horas de trabalho são investidas por pessoas de diferentes áreas, com diferentes estudos, em lugares tão incríveis quanto suas mentes, na criação dos aparelhos. No artigo “Vale do Silício”, a história de um desses importantes polos de desenvolvimento tecnológico é detalhada desde a sua origem até os dias de hoje. Os avanços da região que agrega tal monumento são incríveis, assim como o número de beneficiados – incalculável por envolver pessoas do mundo todo. E toda a grandiosidade do lugar tem seus pontos de apoio, indo além de individualismos empresariais.

A construção do Vale do Silício exigiu espaço. E não são somente grandes polos tecnológicos que necessitam de um bom pedaço de chão para se desenvolver: para a construção de qualquer ambiente é preciso espaço. Mas, em um mundo com crescente número populacional, lugares aptos para alocação de gente estão se tornando difíceis de ser encontrados. Então, uma saída bastante comum em certas regiões do globo é a construção de ilhas artificias, que dão alguns metros quadrados a mais e ainda promovem turismo devido a maneira irreverente com que são construídas. No artigo “A beleza das ilhas artificiais” são apresentados diferentes formas de implantação, cada uma com suas peculiaridades, em diferentes lugares do planeta, desses também registros da sociedade atual.

O ritmo frenético no qual se encontra o desenvolvimento tecnológico, além de espaço, demanda energia, fundamental para a construção do conhecimento. Começamos com o fogo e agora temos um leque a nossa disposição, cada qual com seus atrativos e perigos. No artigo “O avanço e a diversificação das fontes renováveis no Brasil” são apresentados dados recentes sobre o futuro das fontes energéticas no Brasil, com destaque para a eólica. A terra tupiniquim, devido sua dimensão, possui vários pontos para a exploração das mais variadas energias, devendo adequá-los à exploração mais vantajosa.

Esta edição do Jornal PET-Elétrica conta ainda com mais um texto na coluna “Mundo Acadêmico”. O país da vez são os Estados Unidos da América. Ponto muito almejado pelos intercambistas, as instituições de ensino superior desse país dispõem de estruturas ricas em equipamentos e pesquisas com impactos mundiais. Confira relatos de estudantes brasileiros que vivenciaram a experiência, junto de informações sobre as universidades e algumas curiosidades.

No quadro cultural do Jornal são apresentadas novas dicas de livro, filme e música. Nas dicas de livro, dois grandes nomes da literatura portuguesa: o moçambicano Mia Couto e seu “O Último Voo do Flamingo”, e José Saramago e seu “Homem Duplicado”. Nas dicas de filme, um sucesso atual, o novo longa de Martin Scorsese, “O Lobo de Wall Street”, e um filme motivacional, “Corajosos”. Na dica musical do mês, a memorável e arrepiante Nona sinfonia de Beethoven. Imperdível!

Boa leitura!

Equipe Editorial do Jornal PET-Elétrica



   







A convite do Jornal PET Elétrica, o Prof. Edmar tece comentários a respeito de sua experiência no exterior. Confira!




O Professor Dr. Waslon Terllizzie Araújo Lopes fala sobre suas áreas de atuação, descreve o instituto ao qual está vinculado e comenta sobre seus projetos de pesquisa em andamento. Confira!






Comments